Vereador Segalla aponta omissão do município por não intervir em projeto das marginais da Rondon

25/09/2018 - O parlamentar fez alertas à administração ainda na gestão anterior e destacou a necessidade de que novas intervenções problemáticas sejam executadas

Segalla também lembrou do projeto de interligação subterrânea

  O vereador José Roberto Segalla (DEM) criticou a omissão do poder público municipal ao não intervir nem provocar discussões sobre projeto de construção das marginais da rodovia Marechal Rondon (SP-300) – já em execução e alvo de dúvidas e críticas. O parlamentar lembrou que, ainda na gestão anterior, exibiu o desenho da obra e apelou para que o então prefeito de Bauru buscasse entendimento com a concessionária ViaRondon - responsável pela contratação dos trabalhos.

  Na Sessão Legislativa da última segunda-feira (24/09), Segalla falou também sobre o projeto do DER (Departamento de Estradas e Rodagens) para uma interligação subterrânea entre os as duas margens da Rondon na região do Bauru, exibido por ele na Câmara há cerca de dois anos.

  “Foi apresentado, entregue ao prefeito, levado ao secretário estadual de Transportes, que destinou à Artesp (Agência de Transporte do Estado de São Paulo) até chegar às mãos da concessionária. Mas faltou aquilo que sempre digo que falta: a insistência”, pontuou.

  Para o vereador, caberia ao município cobrar respostas aos pleitos, exigir a inclusão desse dispositivo viário e não restringir as mobilizações ao envio de ofícios e visitas.

  “As obras, agora, estão sendo feitas do jeito que a concessionária quis, dentro de Bauru, que é nossa; não é deles. Não cabe fazerem sem nos consultar”, afirmou.

  Segalla ponderou, contudo, ainda haver tempo de intervir para que problemas do projeto sejam sanados, a fim de evitar que novas intervenções questionáveis saiam do papel, como a já executada no Trevo da Eny.

  As obras da Marechal Rondon compreendem o trecho urbano de Bauru, entre os quilômetros 336 e 347.

Assista à íntegra do pronunciamento

 

ASSESSORIA DE IMPRENSA

Câmara Municipal de Bauru