Vereador Natalino anuncia proposta de ampliação do PAC Pavimentação na região da Pousada da Esperança

09/04/2018 - Inclusão de ruas não contempladas pelo projeto original motivou paralisação dos trabalhos, que serão retomados em junho

Natalino se reuniu com o secretário de Obras nesta 2ª feira

  Na Sessão Legislativa desta segunda-feira (09/04), o vereador Natalino Davi da Silva (PV) utilizou a Tribuna da Câmara Municipal para explicar à comunidade as razões pela paralisação do PAC Pavimentação nos bairros Pousada da Esperança 1 e 2.

  As obras, que já estavam executadas em 78%, devem ser retomadas no mês de junho.

  Segundo o parlamentar, a paralisação foi necessária para que o município pudesse incluir no cronograma do asfalto ruas dos bairros que não constavam no projeto original.

  A confirmação veio do secretário municipal de Obras de Bauru, Ricardo Olivatto, com quem Natalino se reuniu na manhã de hoje, a fim de discutir a a suspensão dos trabalhos na região da Pousada e atualizar a Casa Legislativa sobre a retomada do PAC nos bairros.

  Anteriormente, em reunião com a Comissão de Obras da Câmara Municipal, realizada no dia 13 de março, o secretário havia antecipado a intenção de incluir essas novas ruas, ao custo estimado de R$ 260 mil para os cofres da cidade.

  Ainda na tribuna, Natalino explicou que o intervalo de tempo para a retomada dos serviços e a ampliação do PAC na Pousada, é devida aos trâmites burocráticos necessários: até junho, o incremento ao projeto terá que passar pelo crivo da Caixa Econômica Federal (CEF), gestora do programa.

O PAC Asfalto

  Além da Pousada da Esperança, estão sendo contemplados pelo programa o Tangarás, Ouro Verde, Ipiranga, Parque Viaduto, Jardim Vitória Santa Cândida, Jaraguá, Santa Edwirges e o Parque Roosevelt.

  Em janeiro de 2018, segundo a Prefeitura, 56% dos serviços já haviam sido executados. O valor estimado para a conclusão de todo o trabalho é de R$ 58 milhões, o que inclui verbas federais e recursos da Prefeitura.

  Enquanto algumas obras estão avançadas, como a do Pousada, outras não chegaram nem à metade. É o caso de Santa Cândida, Jaraguá, Santa Edwirges e Parque Roosevelt que enfrentaram problemas burocráticos.

  O bairro onde as obras estão mais avançadas é o Tangarás, onde, em janeiro, da obra havia sido executada.

Assista à íntegra do pronunciamento do parlamentar

 

ASSESSORIA DE IMPRENSA

Câmara Municipal de Bauru