Roger Barude vai intermediar reunião entre prefeito e construtora por retomada das obras da Pista de Atletismo

09/08/2019 - Assessoria de Imprensa

O parlamentar receita que eventual judicialização de imbróglios técnicos leve Bauru a perder recursos federais anunciados em 2012

O vereador Roger Barude (PPS) reivindicou, na Sessão da Câmara Municipal de Bauru da última segunda-feira (05/08), a retomada das obras de melhorias e infraestrutura em torno da pista do Centro de Atletismo do “Milagrão”.

Os trabalhos estão paralisados há dois meses por conta de imbróglio técnico entre a construtora e Prefeitura, que gira em torno das estacas de fundação da estrutura projetada.

Segundo o parlamentar, há o risco de judicialização do impasse por parte da empresa Plaw, contratada via licitação para executar a obra.

Roger Barude receia que, caso isso ocorra, Bauru venha a perder verba federal de mais de R$ 2 milhões, conquistadas em 2012 por seu intermédio, na condição de secretário municipal de Esportes, junto ao então ministro da área, Aldo Rabelo.

"Não queremos que a novela da Estação de Esgoto se repita com a pista de atletismo", pontuou.

Para isso, o vereador requisitou, nesta semana, o empenho pessoal do prefeito Clodoaldo Gazzetta na negociação junto à Plaw.

"Falei com ele, que já pegou o processo, está se debruçando sobre ele para marcar uma reunião com representantes da empresa, da qual faço questão também de participar", adiantou Barude ao Portal Legislativo.

A obra, que já enfrentou dificuldades nas etapas de elaboração do projeto executivo e de licitação, deveria ficar pronta em dez meses, com entrega ainda neste ano. O impasse com a Plaw, no entanto, deve atrasar o cronograma.

No momento, a pista do “Milagrão” está interditada e não pode ser utilizada pela população de Bauru.

Assista à íntegra do pronunciamento