Renato Purini se licencia temporariamente do mandato de vereador

- Assessoria de Imprensa

A segunda suplente Maria Helena Catini será empossada no cargo de vereadora, nesta terça-feira, às 12h30, na Câmara Municipal de Bauru

A partir desta terça-feira (6/12), o primeiro suplente do Movimento Democrático Brasileiro (MDB), Renato Purini, se licencia do mandato de vereador na Câmara Municipal de Bauru, após ter solicitado afastamento temporário e não-remunerado das atividades parlamentares.

O Regimento Interno da Câmara de Bauru determina que o pedido de licença temporária compreenda o período de 30 dias, que pode ser prorrogado. Entretanto, depois da primeira quinzena, o vereador ou vereadora afastado pode voltar ao cargo a qualquer momento.

A cadeira de Mané Losila será ocupada pela segunda suplente da chapa do partido Movimento Democrático Brasileiro (MDB), nas Eleições Municipais de 2020, Maria Helena Catini Campagnucci.

A segunda suplente do MDB, Maria Helena Catini Campagnucci, a Professora Catini, tem 79 anos e, nas Eleições Municipais de 2020, recebeu 1.628 votos. A educadora exerceu o cargo de vereadora, como suplente do Partido Democrático Trabalhista (PDT), na legislatura passada: 32ª, período de 13/2/2019 a 27/2/2019, totalizando 14 dias, em razão da licença não-remunerada de Sandro Bussola, à época vereador pelo mesmo partido.

Desde o dia 16 de novembro, o primeiro suplente da legenda exerce o cargo de vereador na Câmara Municipal.

A segunda suplente será empossada nesta terça-feira (6/12), às 12h30, na Câmara Municipal de Bauru.