Presidente da Comissão de Obras e Transportes pede mudanças na concessão da Bauru-Marília

07/08/2019 - Vinicius Lousada

Junto ao secretário adjunto de Desenvolvimento Regional do estado de São Paulo, Mané Losila reitera necessidade de incluir no edital melhorias e duplicação da Elais Miguel Maluf

Presidente da Comissão de Obras e Transporte, o vereador Mané Losila (PDT) esteve no Palácio dos Bandeirantes, na tarde desta quarta-feira (07/08), onde pleiteou mudanças no edital de concessão da rodovia Bauru-Marília (SP-294).

O parlamentar foi recebido pelo secretário adjunto do Desenvolvimento Regional, Rubens Cury.

O principal ponto solicitado foi a inclusão no edital da execução de obras de duplicação e melhorias na Elias Miguel Maluf, via de acesso que liga a região da Vila Industrial à Bauru-Marília.

“O governo do estado de São Paulo precisa ouvir nossa região. Já negaram o pedido para que a rodovia não fosse pedagiada, por já ser duplicada. Solicitamos que em vez de quatro praças de cobrança, fossem instaladas apenas duas. Também não nos atenderam. Pedimos que a Elias Miguel Maluf fosse incluída no pacote de obrigações da concessionária. Soltaram o edital sem esse item. Agora, viemos a São Paulo apelar pela mudança nesse edital”, relatou Losila ao Portal Legislativo.

A Cury, o parlamentar requereu também que, caso a solicitação não seja contemplada, que a Secretaria de Desenvolvimento Regional direcione recursos do Orçamento para a via.

“Ele falou que, para isso, é necessário o projeto executivo da obra. Fica como mais uma tarefa para corrermos atrás, mas a expectativa primeira é de que alterem o edital de concessão da Bauru-Marília”, frisou.

Outro pedido é de que seja alterado o ponto de uma das praças de pedágio, prevista para o quilômetro 366.

“Antes, seria instalada no quilômetro 362. Solicitamos e levaram para depois de um dispositivo de retorno. Mas queremos que haja pelo menos dois retornos antes. Isso vai minimizar os prejuízos aos produtores rurais”, explicou o vereador Mané Losila.

Antiga delegacia da Vila Falcão

O vereador ainda solicitou a Cury que o imóvel onde funcionava a antiga Delegacia da Vila Falcão, que se encontra em situação de abandono, seja cedido ao município para que a Secretaria Municipal de Bem-Social (Sebes) instale um Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) no local.