Roger Barude homenageia os 33 anos do Ceeja em Bauru

29/10/2018 - Desde sua criação, 10 mil concluíram a educação Básica; atualmente, 4.500 alunos são assistidos

O diretor José Eugênio recebeu a Moção do vereador Roger Barude

  O vereador Roger Barude (PPS) entregou, nesta segunda-feira (29/18), Moção de Aplauso ao Centro Educacional de Educação de Jovens e Adultos (Ceeja) “Presidente Tancredo Neves”.

  O ato, que ocorreu no Plenário da Câmara Municipal, homenageia os 33 anos de história de serviços prestados pela entidade a cidadãos que buscam concluir o ensino básico.

  Emocionado, o diretor da instituição, José Eugênio, subiu à Tribuna Legislativa para agradecer o reconhecimento dos vereadores e destacar o quão significativo é receber a Moção.

  “Esse é um momento de reconhecermos e parabenizarmos os educadores”, frisou ele, em referência a professores e professoras do Ceeja presentes na Casa de Leis.

  Roger Barude, por sua vez, falou do quão especial é homenagear projetos voltados para a área da educação na cidade. “Bauru reconhece o trabalho de vocês e a gente sabe tem nele amor e dedicação”, parabenizou.

História

  Antigo Ceesub, o Ceeja foi inaugurado no dia 7 de outubro de 1985, com a presença do então secretário estadual de Educação, Professor Paulo Renato Costa Souza, durante o governo de Franco Montoro. À época, o Centro era o único dessa natureza a funcionar no interior paulista, abrindo espaço, depois, para novas unidades em outras cidades.

  Parte integrante da história do Ceeja em Bauru, a professora Virgínia Farha e o então deputado estadual Roberto Purini foram fundamentais para efetivação do projeto.

  Antes, a maior parte de seus alunos eram da faixa etária entre 40 e 60 anos. Atualmente, muitos são jovens e adultos entre 18 e 30 anos.

  O Ceeja já possibilitou que 10 mil pessoas concluíssem a Educação Básica em Bauru e região. Hoje, são 4.500 alunos frequentes.

 

ASSESSORIA DE IMPRENSA

Câmara Municipal de Bauru