Moção de Aplauso ao educador, escritor e poeta Julio Cesar Paes

07/08/2017 - Aprovada por todos os parlamentares, homenagem partiu da iniciativa de Fábio Manfrinato

Julio Cesar Paes recebe a Moção de Manfrinato - Foto: Pedro Romualdo

Natural de Agudos, casado com Márcia e pai de Julio Cesar Junior e Yohanna Naomi, o professor, escritor e poeta Julio Cesar Paes recebeu, nesta segunda-feira (07/08), Moção de Aplauso proposta pelo vereador Fábio Manfrinato (PP) em razão da relevante contribuição à área de educação especial e pelo trabalho em prol da inclusão escolar.

Ele é autor da coleção infantil "Incluir" com os livros "Ted e seus amigos", "Marina, a nova bailarina" e "Tom e seu novo amigo Nico", que trazem personagens especiais, plantando a semente da conscientização, pois as histórias mostram que, apesar das limitações, todos também têm habilidades que os destacam.

Graduado em Pedagogia com habilitação em Educação Especial e Gestão escolar, Julio Cesas Paes é pós-graduado em Educação especial, Psicopedagogia, Transtorno Global do Desenvolvimento (TGD), Neuropsicopedagogia Inclusiva e Neuropsicopedagogia Clínica.

O homenageado atua há 11 anos promovendo a inclusão de crianças especiais no ensino comum e, atualmente, trabalha como orientador e mediador de educação especial nas prefeituras de Bauru e Agudos.

Julio também é autor de dois livros de poesia: Um Sonho de Amar" e "Palavras ao vento". Seus recentes trabalhos na literatura foram "Teodoro, um Menino Vencedor" e "Crônicas Sob Censura - O Universo Feminino", ambos de 2016.

Neste ano, lançará mais um livro infantil: "Peteco, o grande campeão"; e estará ainda na Antologia de 18 anos do Grupo Literário Expressão Poética.

 

VINICIUS LOUSADA

Assessoria de Imprensa