João Alves Teixeira recebe Medalha 'Sebastião Paiva'

05/09/2018 - Primeiro de 20 militares da mesma família, aos 102, o segundo sargento reformado dá lições de alegria e solidariedade

João Alves Teixeira recebe a Medalha do vereador Mané Losila

  Diante de familiares, amigos e autoridades da Polícia Militar, aos 102 anos de idade, João Alves Teixeira recebeu, na noite de terça-feira (04/09), no Plenário da Câmara Municipal de Bauru, a Medalha “Sebastião Paiva”, por iniciativa do vereador Mané Losila (PDT).

  Os parlamentares Sandro Bussola (PDT), Coronel Meira (PSB) e Roger Barude (PPS) também prestigiaram a solenidade dedicada ao segundo sargento reformado da Polícia Militar – o primeiro de 20 membros da mesma família que seguiram a carreira.

  A peculiaridade foi revelada pelo coronel Robson Douglas de Souza, sobrinho de João Alves Teixeira e, atualmente, responsável pelo Comando de Policiamento do Interior – 4 (CPI – 4).

  Em quebra de protocolo sugerida pela presidência da Casa de Leis, o oficial teve a oportunidade de falar sobre a trajetória do tio e a agradecer homenagem proposta por Mané Losila, acatada unanimemente pelos Parlamento Bauruense. “Os demais integrantes da Polícia Militar de São Paulo, igualmente, se sentem prestigiados”, pontuou.

João Alves Teixeira, Mané Losila, Coronel Meira, Roger Barude e Sandro Bussola

Solidariedade

    Nascido no município de Três lagoas (MS), em 20 de fevereiro de 1916, João Alves Teixeira escolheu Bauru para viver no início da década de 1980.

  Casado com Edméa de Oliveira, é morador do Jardim Petrópolis e pai de seis filhos, que lhe deram 10 netos e 15 bisnetos.

  Além da trajetória pessoal e profissional merecedora de reconhecimento, um gesto de solidariedade do sempre policial foi crucial para que seu caminho cruzasse com o do vereador Mané Losila.

  Aos 102 anos, João Alves Teixeira pediu para que, em vez presentes convencionais em razão de seu aniversário, lhe dessem caixas de leite para que fossem doadas a uma entidade social.

  Foram arrecadadas 232 caixas, posteriormente encaminhadas a uma creche na qual Losila atua como voluntário.

  A partir da doação inesperada, o vereador buscou saber quem era o responsável pelo gesto de solidariedade e teve a oportunidade de conhecer o centenário.

  “Essa medalha leva o nome de Sebastião Paiva porque ele dedicou toda a sua vida em prol do próximo. Exemplos como o do senhor fazem com que a gente acredite que as pessoas podem fazer a diferença no mundo”, afirmou Mané Losila.

Esposa do homenageado, Edméa recebeu flores de Fátima Ferri, assessora do vereador Losila

A Medalha

  A “Medalha Sebastião Paiva” é atribuída pela Câmara Municipal a pessoas com 90 anos ou mais, que residam em Bauru há pelo menos três décadas.

  Quando o homenageado tem 100 anos ou mais e é natural da cidade, recebe a medalha com a distinção “Emérito Morador Centenário”.

  Pessoas com idade entre 80 e 89 anos podem receber a “Medalha Sebastião Paiva” desde que tenham prestado serviços com alto grau de relevância ao progresso de Bauru.

 

À direita de João Alves Teixeira, seu sobrinho, o coronel Robson Douglas de Souza, junto a oficiais da PM

 

VINICIUS LOUSADA

Assessoria de Imprensa