Mané Losila pede que Anac autorize a saída de mais voos comerciais do Moussa Tobias

11/09/2018 - Portaria do órgão restringe operação a cinco pousos e decolagens por semana

Losila é presidente da Comissão de Serviços Públicos e Transportes

  A falta de opções de voos comerciais do Aeroporto Moussa Tobias foi o tema abordado pelo vereador Mané Losila (PDT) em seu pronunciamento na última Sessão da Câmara Municipal de Bauru. O parlamentar levantou que o problema não está associado a falta de interesse das empresas aéreas em operar na cidade, mas sim a restrições estabelecidas pela ANAC (Agência Nacional da Aviação Civil).

  Uma portaria de 2016 limitou em cinco a quantidade semanal de voos por aeronaves da categoria 4C, na qual estão classificados os boeings.

  Apenas uma companhia no País utiliza outro modelo de avião, de menor porte. Por essa razão, saem dois voos em dias úteis do Moussa Tobias. “As demais operadoras não conseguem entrar”, observou Losila.

  O vereador apurou ainda que em aeroportos de cidades de tamanho semelhante, o número de voos permitidos é consideravelmente maior: 11 em Araraquara e 46 em São José do Rio Preto, por exemplo.

  Por essa razão, Losila apresentou Moção de Apelo dirigida ao Daesp (Departamento Aeroviário do Estado de São Paulo) – que gerencia o Moussa Tobias –, pedindo a intervenção junto à Anac, a fim de que mais voos possam ser ofertados em Bauru.

  “Tenho certeza de que mais empresas vão operar por aqui. Já conversei com alguns funcionários”, revelou o parlamentar.

  Na mesma Moção de Apelo, que será apreciada em Plenário na próxima semana, Mané Losila reivindica também ao Daesp a construção do terminal de cargas no Moussa Tobias.

Assista à íntegra do pronunciamento

 

ASSESSORIA DE IMPRENSA

Câmara Municipal de Bauru