Luiz Carlos Martins é o novo homenageado no Hall de Personalidades da Casa de Leis

- Assessoria de Imprensa

Treinador do Esporte Clube Noroeste recebeu a homenagem proposta pela vereadora Estela Almagro (PT)

O ex-jogador e atual treinador do Esporte Clube Noroeste, Luiz Carlos Martins, recebeu, nesta quinta-feira (9/6), um quadro com a sua foto no Hall de Personalidades da Câmara Municipal de Bauru, pela sua espetacular trajetória, promovendo o futebol, esporte de maior projeção nacional, o Esporte Clube Noroeste e a cidade de Bauru nacionalmente.

A inciativa da homenagem a Luiz Carlos Martins partiu da vereadora Estela Almagro (PT), através do Requerimento n.º 417/22, aprovado no dia 24 de maio deste ano.

A entrega da homenagem foi conduzida pela vereadora Estela Almagro e acompanhada pelos vereadores Mané Losila (MDB), Pastor Bira (Podemos), Marcelo Afonso (Patriota), Junior Rodrigues (PSD), Junior Lokadora (PP), Chiara Ranieri (União Brasil) e Pastor Edson Miguel (Republicanos).

Também estiveram presentes no Plenário “Benedito Moreira Pinto”, a esposa do treinador; o presidente do Noroeste Sociedade Anônima de Futebol (SAF), o empresário Reinaldo Mandaliti, acompanhado do seu irmão Rodrigo Mandaliti; o presidente do Conselho do Noroeste, José Antônio Rodrigues, o Toninho; o ex-vice-prefeito de Bauru, Toninho Gimenez; o ex-prefeito de Boraceia, Marcos Bilancieri; o atual presidente de honra e diretor fundador, José Roberto Pavanello, além de membros da diretoria e da torcida organizada.

Estela Almagro, no descerramento do quadro, destacou ser a entrega da homenagem um reconhecimento do treinador como “um ícone do esporte da nossa cidade”. A parlamentar falou ainda sobre ser fantástica não só a vitória, mas a carreata que mostrou a paixão dos torcedores pelo time. "O Noroeste tem o dom de fazer isso com a população de Bauru. Porque o Noroeste é Bauru e Bauru é Noroeste", destacou Estela.

O técnico Luiz Carlos Martins agradeceu com alegria a homenagem e a confiança que todos tiveram nele. O treinador completou dizendo ser um trabalho em equipe, pontuando a importância que os funcionários e torcedores têm para o time. “O forte do Noroeste foi o ambiente. O ambiente foi maravilhoso em todos os sentidos”, destacou. O homenageado ainda relembrou a trajetória de sua família em Bauru. "Enquanto eu estiver no Noroeste, vou procurar fazer o máximo", pontuou Martins.

Toninho Gimenez agradeceu a homenagem realizada pelos vereadores ao Esporte Clube Noroeste e ao treinador, aproveitando para homenagear também Reinaldo Mandaliti, pelo trabalho como presidente do time. Toninho ainda falou sobre a importância do Noroeste para o município de Bauru.

História

O ex-jogador de futebol e atualmente treinador, Luiz Carlos Martins, nasceu em 22 de agosto de 1955, no distrito de Cafesópolis, município de Cafelândia (SP), a cerca de 87 quilômetros de Bauru. Martins cresceu em Bauru, atuou na categoria de base do Alvirrubro e se profissionalizou como jogador de futebol no Esporte Clube Noroeste em 1972, equipe com a qual mantém uma relação de paixão, pois tem o privilégio de treinar o time e ser noroestino. Ele já havia dirigido o “Norusca” em 1995, 1998 e 2008. Sua relação com Bauru é também especial, pois foi criado na cidade, e onde tem família, apesar da vida de jogador e treinador levá-lo para toda parte do Brasil. No entanto, sempre está na Cidade Sem Limites.

E nessas voltas que a carreira de treinador de futebol proporciona, eis que o noroestino Luiz Carlos Martins voltou em 2020 para treinar o Esporte Clube Noroeste de Bauru, quando enfrentou um dos momentos mais delicados de sua carreira no futebol e na vida. O Noroeste liderava o Campeonato Paulista da Série A3 com uma campanha irrepreensível e já estava classificado para a próxima fase da disputa, quando o Brasil e grande parte do mundo pararam pela pandemia de Covid-19. Foram cinco meses consecutivos de muita incerteza para o mundo do futebol, menos para Luiz Carlos Martins, que permaneceu para tocar o trabalho no “Norusca” e quase levou o time bauruense a mais um acesso.

No ano seguinte, o treinador foi mantido e novamente quase a Maquininha Vermelha obteve o tão sonhado acesso. Chegou 2022 e o "quase" parecia um fantasma, porque o início do Noroeste na disputa da A3 trouxe um período de desconfiança em relação às reais chances de acesso, devido aos maus resultados do time em campo. Luiz Carlos, sempre confiante em seu trabalho e tendo o elenco de atletas na "mão", seguiu firme até o dia 7 de maio, em que o time comandado pelo homenageado fez uma partida de futebol histórica no Estádio "Alfredo de Castilho" com público recorde, vencendo de maneira incrível o São Bernardo pelo placar de 2 x 0, revertendo uma situação bastante desfavorável devido à derrota pelo mesmo placar no jogo de ida, no ABC Paulista. Esse jogo memorável marca o acesso do Esporte Clube Noroeste à Série A2 de 2023 e garantiu o time na disputa pelo título da Série A3 de 2022. Martins alcançou a marca de 19 acessos em sua carreira, apenas chancelando o apelido carinhoso de "Rei do Acesso".

Martins iniciou a carreira de treinador após sofrer um fortíssimo entorse de tornozelo quando atuava pelo Ginásio Pinhalense (equipe de Espírito Santo do Pinhal/SP). O então jogador de futebol tinha apenas 30 anos e foi convocado a salvar o Clube Atlético Guaçuano de um eminente rebaixamento. Havia sido capitão do Guaçuano na temporada anterior e todos confiavam na sua capacidade de aglutinar o grupo. Sem poder atuar em campo, assumiu a posição de treinador salvando o Guaçuano, êxito que lhe abriu caminho para a profissão de treinador. O primeiro acesso de Martins foi conquistado com o Rio Branco de Andradas (MG). Luiz Carlos atuou em campo como volante, posição em que ganhou respeito e vestiu a braçadeira de capitão, condição que o destacou para a tarefa de comandar as equipes também fora de campo.