Em visita de cortesia, Mesa Diretora da Câmara articula com prefeito nova dinâmica de trabalho

10/01/2018 – Os vereadores também vão agendar reunião para discutir assuntos internos da Câmara na próxima semana

Vereadores expõem expectativas para o novo biênio

Os membros da nova Mesa Diretora da Câmara Municipal de Bauru se reuniram no Palácio das Cerejeiras, nesta quarta-feira (09/01), com o prefeito Clodoaldo Gazzetta, para discutir as prioridades da relação entre os poderes Executivo e Legislativo para o biênio 2019-2020.

Participaram do encontro o presidente da Câmara, José Roberto Segalla (DEM); o vice-presidente, Coronel Meira (PSB); o primeiro secretário, Roger Barude (PPS); e a segunda secretária, Yasmim Nascimento (PSC).

Nova dinâmica

Os vereadores e o prefeito discutiram as pautas de maior urgência e relevância, que devem ser enviadas de forma prioritária pelo Executivo à Câmara para apreciação já nas primeiras sessões ordinárias de 2019.

Uma ideia apresentada pela nova Mesa Diretora é que a discussão dos projetos de lei que tramitarem no Legislativo ganhem uma nova dinâmica. Uma reunião em dia específico da semana deve ser agendada com representantes do Executivo para que os vereadores possam sanar dúvidas a respeito dos textos e, assim, garantir que a apreciação em plenário seja realizada de forma mais objetiva.

A nova prática, segundo os membros da Mesa, tende a agilizar o andamento das sessões e diminuir os gastos da Casa com o pagamento de horas extras para funcionários que precisarem trabalhar fora do expediente.

Ainda com a expectativa de corte de gastos, as audiências públicas que são realizadas no plenário da Câmara, inclusive as que são convocadas a pedido do Executivo, devem ser realizadas dentro do horário de funcionamento da Casa de Leis. Para garantir a participação popular em horário comercial, os vereadores da Mesa discutem a possibilidade de desenvolvimento de novas plataformas de divulgação de conteúdo.

Próxima reunião

Um novo encontro deve ser agendado para a próxima semana, dessa vez apenas entre os vereadores da Mesa, para a discussão de assuntos relativos ao funcionamento interno da Câmara.