Comissão de Indústria recebe trabalhadores do Frigorífico Mondelli

08/08/2018 - Vereadores Meira, Cabelo, Chiara e Markinho participaram do encontro; grupo buscará informações sobre processo de recuperação judicial e eventual leilão junto ao Ministério Público

Reunião foi realizada na Sala de Vereadores

  A Comissão de Indústria, Comércio, Agricultura e Abastecimento da Câmara Municipal de Bauru recebeu, nesta quarta-feira (08/08), um grupo de trabalhadores do Frigorífico Mondelli que solicitou apoio da Casa de Leis em busca de esclarecimentos sobre o andamento do processo de recuperação judicial da empresa.

  Presidente do grupo parlamentar, Coronel Meira (PSB) informou aos funcionários que se reuniria ainda hoje com o promotor Libório Nascimento, que atua na 1ª Vara Cível de Bauru, onde tramita a ação.

  O objetivo do vereador é agendar um encontro junto ao Ministério Público com representantes dos trabalhadores, com os demais membros da Comissão de Indústria – Chiara Ranieri (DEM) e Ricardo Cabelo (PPS) -, além do vereador Markinho Souza (PP), que tem boa interlocução com o grupo.

  “A ideia é que o promotor possa nos posicionar sobre o andamento do processo e sobre o leilão: se vai acontecer e, em caso positivo, quando”, explica Meira.

  Como a principal reclamação dos empregados no frigorífico diz respeito às incertezas quanto ao futuro da empresa e à falta de informações acerca da ação judicial e suas consequências, o vereador também buscará ajuda da OAB Bauru - Ordem dos Advogados do Brasil, com a expectativa de que uma das comissões da instituição possa oferecer amparo jurídico aos funcionários.

Câmara busca mediar o caso, em prol da preservação de centenas de postos de trabalho diretos

  Como informaram aos parlamentares na semana passada, no intervalo da Sessão Legislativa Ordinária, os trabalhadores do Mondelli torcem pela breve realização do leilão dos bens da família que geria o frigorífico.

  O grupo acredita que, dessa forma, antigos compromissos com credores e dívidas trabalhistas poderão ser honrados para que uma nova etapa na histórica da empresa tenha início.

  “Os próprios funcionários dizem que o frigorífico, agora, está bem; é lucrativo. Mas desejam que as pendências do passado sejam sanadas. Da parte da Câmara Municipal, o objetivo maior é garantir a manutenção dos 650 postos de trabalho diretos no Mondelli”, avisa o vereador Meira.

  Como acompanha as reivindicações dos funcionários há muitos anos, o vereador Markinho traçou, na reunião, o histórico de recuperação do frigorífico, gerido por administradores nomeados judicialmente.

  Chiara Ranieri, por sua vez, ouvir dos trabalhadores presentes que seus salários e demais benefícios estão sendo pagos em dia.

  Já Ricardo Cabelo apresentou documentos que atestam o bom momento econômico vivenciado pela empresa.

 

VINICIUS LOUSADA

Assessoria de Imprensa