CEI da Cohab recebe documentos solicitados em fevereiro

- Vinicius Lousada

No início da semana, comissão estabeleceu prazo de 48 horas para que a diretoria da companhia colocasse o material à disposição; procurador jurídico Maurício Porto será ouvido nesta quinta-feira

Presidente da CEI que apura eventuais irregularidades cometidas na gestão da Cohab-Bauru entre 1998 e 2019, o vereador Natalino da Silva (PV) recebeu, nesta quarta-feira (03/06), na Câmara Municipal, a documentação solicitada pelo colegiado ao órgão no mês de fevereiro.

Parte dela foi entregue em papel e a outra em arquivos digitais. Atual presidente da companhia, Arildo Lima Júnior trouxe pessoalmente o material, acompanhado do contador Marcelo Alba.

Na última segunda-feira (03/06), a comissão de apuração oficiou a diretoria da companhia, reiterando o pedido dos documentos e estabelecendo que estivessem à disposição do Legislativo em até 48 horas, para que possam ser devidamente analisados pelos parlamentares.

O prazo para a conclusão dos trabalhos da CEI da Cohab termina no próximo 18 de junho, mas há a possibilidade de prorrogação por mais 30 dias.

Estava pendente a entrega dos seguintes documentos: balanços orçamentários; relatórios das dívidas das construtoras; relação de todos os contratos firmados com construtoras; pareceres do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCE-SP); comprovantes de pagamento do seguro habitacional à Caixa Econômica Federal; relatórios de todas as auditorias realizadas, contendo nomes dos auditores membros e, se for o caso, das empresas responsáveis pelos serviços; relatórios contábeis com a indicação de todos os valores utilizados para realização de acordos extrajudiciais firmados junto a construtoras, com seus respectivos extratos bancários; e nomes dos membros dos conselhos.

Lima Júnior e Marcelo Alba explicaram, entretanto, que não foram encontrados processos relativos a 23 do total de 27 construtoras. Se existirem, esses documentos podem estar sob a posse do Ministério Público, em razão da Operação "João de Barro", deflagrada em dezembro do ano passado.

Oitiva

Às 10h desta quinta-feira (04/06), a CEI da Cohab vai ouvir o procurador jurídico Maurício Porto. Servidor de carreira, ele foi apontado pelo ex-prefeito Rodrigo Agostinho, em oitiva da CEI, como o representante da Prefeitura de Bauru no Conselho Administrativo da Cohab.

Os trabalhos serão transmitidos ao vivo pela TV Câmara Bauru, no YouTube, no Portal Legislativo, e nos canais 10 (Net/Claro) e 31.3 (UHF Digital)

A partir da próxima semana, a comissão de inquérito se reunirá, ordinariamente, às quartas-feiras, a partir das 9h.