Audiência Pública discute Projeto de Lei da Prefeitura para reajustes no IPTU e ITBI do município

- Assessoria de Imprensa

Iniciativa é da vereadora Chiara Ranieri (DEM); população poderá acompanhar pela TV, rádio e redes sociais, além de participar via WhatsApp

A Câmara Municipal de Bauru promove Audiência Pública, nesta terça-feira (23/11), às 15h30, para debater o Projeto de Lei n.º 74/2021, de autoria da Prefeita Municipal, que aprova as novas tabelas de valores venais do metro quadrado territorial e do metro quadrado de construções para fins de lançamento do Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana - IPTU e Imposto Sobre Transmissão de Bens Imóveis - ITBI.

A iniciativa do encontro é da vereadora Chiara Ranieri (DEM), relatora do projeto dentro da Comissão de Economia e Finanças da Câmara Municipal de Bauru.

Convocados e convidados

Para a audiência foram convocados o secretário de Economia e Finanças, Everton Basílio; o secretário de Planejamento, Nilson Ghirardello, e o secretário de Negócios Jurídicos, Gustavo Bugalho.

Também foram convidados a prefeita Suéllen Rosim; o presidente da Associação dos Engenheiros, Arquitetos e Agrônomos de Bauru (Assenag), Alfredo Neme; o presidente da Associação Comercial e Industrial de Bauru (ACIB), Reinaldo Cafeo; o presidente do Sindicato dos Contabilistas de Bauru (Sindcon), Paulo Braga; o diretor regional do Sindicato de Empresas de Compra, Venda, Locação e Administração de Imóveis Residenciais e Comerciais (Secovi) Regional Bauru, Riad Elia Said, e os representantes do Conselho de Contribuintes de Bauru, do Conselho do Município de Bauru e do Conselho Municipal da Habitação.

Participação

Os munícipes poderão participar enviando perguntas, comentários ou sugestões pelo canal de WhatsApp do Poder Legislativo: (14) 98119-5511. Todos deverão se identificar com nome completo, instituição que representam ou o bairro onde moram.

Transmissão

A audiência será transmitida ao vivo pela TV Câmara Bauru, nos canais 10 Claro/NET e 31.3 UHF Digital, no YouTube e no Portal Legislativo.